Terça-feira, 23 de Outubro de 2007

Homenagem a Fausto Correia, um Homem Bom

Porque o Deputado europeu Carlos Coelho tem a simpatia de me enviar emails com novidades do seu blog soube da Homenagem que o também deputado europeu Fausto Correia recebeu do Parlamento Europeu aquando da sua morte.



Já tinha prestado a minha homenagem, discreta, a Fausto Correia na Grande Loja Tradicional de Portugal por duas razões.



Uma porque Fausto Correia era, como eu, Maçon.



A segunda porque Fausto Correia foi dos poucos Maçons que o soube ser em muitas situações da sua vida, em particular aquando de todo o apoio que me deu, activamente, quando as Nações Unidas, a União Europeia e o Estado Português decidiram, injusta e ilegalmente, sancionar-me por eu ser à época dirigente da UNITA.



Homem Bom, Homem Sério, Combatente pela Liberdade, não se preocupava somente com a sua Liberdade.



Preocupava-se sobretudo, porque era um Maçon, com a Liberdade dos Outros, e no caso preocupou-se com a minha Liberdade.



Com este testemunho e com a divulgação da Homenagem do Parlamento Europeu a Fausto Correia presto a minha humilde homenagem a este Cidadão, socialista, solidário e republicano



Peço que divulguem entre todos os que conheçam, por favor, esta homenagem.



Joffre Justino



Parlamento Europeu presta homenagem a Fausto Correia



O Presidente do Parlamento Europeu comunicou aos eurodeputados a triste notícia do falecimento de Fausto Correia, aos 55 anos. O Presidente destacou o percurso académico e político de Fausto Correia, que, desde 2004, era deputado no Parlamento Europeu. "Era muito apreciado pela sua defesa da democracia e pelos valores da amizade. Vai faltar muito a todos nós, aos seus amigos e à sua família", disse Hans-Gert Pöttering.

O Parlamento Europeu respeitou em seguida um minuto de silêncio pela morte do eurodeputado português. Antes de dar início ao primeiro debate da sessão, dedicado à Cimeira de Lisboa de 18 e 19 de Outubro, o Secretário de Estado dos Assuntos Europeus, Manuel Lobo Antunes, disse: "O Senhor Presidente compreenderá que antes de me referir concretamente ao ponto da agenda que hoje nos traz aqui, e me traz aqui, lhe transmita, em nome do Governo português e também da Presidência portuguesa do Conselho, os nossos agradecimentos pela referência tão calorosa e tão amiga, e eu julgo que também tão justa, que fez a propósito do desaparecimento tão inesperado e tão doloroso do meu compatriota e deputado a este Parlamento, Dr. Fausto Correia.

Os portugueses ficaram abalados com esta notícia porque foi a notícia do desaparecimento de alguém que era, efectivamente, um homem bom e que foi, para todos nós, um exemplo de luta pela dignidade humana e pelos valores em que acreditamos: os valores do Estado de Direito e os valores do respeito pelos direitos humanos.

A sua perda imensa é um facto, temos apenas que tentar, se formos capazes, de lhe seguir o exemplo. Agradeço sinceramente a homenagem que este Parlamento lhe prestou, como o Governo português também obviamente lhe presta".

Homenagem de eurodeputados portugueses durante o primeiro debate da sessão (10 de Outubro) João de Deus Pinheiro (PPE/DE): "Ao intervir hoje gostaria de, em meu nome pessoal e do grupo que represento neste Parlamento, expressar o nosso profundíssimo pesar pelo falecimento de Fausto Correia. Era um homem de convicções, mas um homem de afectos, um homem muito bom e solidário. Sentimos muito a falta dele".

Pedro Guerreiro (CEUE/EVN): "Gostaria de iniciar a minha intervenção expressando em meu nome pessoal e em nome do meu grupo os nossos mais sinceros pesares pela morte do colega Fausto Correia". Edite Estrela (PSE): "Queria começar por agradecer, em nome da delegação portuguesa socialista, todas as manifestações de pesar pela morte do meu querido amigo Fausto Correia. A sua morte deixa-nos a todos muito mais pobres, à democracia portuguesa, ao Partido Socialista português e também a este Parlamento".
publicado por JoffreJustino às 18:05
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Primárias - Uma Otima Pro...

. O 11 de Setembro e eu pr...

. Um recado a Henrique Mont...

. Na Capital Mais Cara do M...

. Há Asneiras A Não Repetir...

. “36 Milhões de Pessoas Mo...

. Ah Esta Mentalidade de Ca...

. A Tolice dos Subserviente...

. A Típica Violência Que Ta...

. Entre Cerveira e a Crise ...

.arquivos

. Julho 2012

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds