Sexta-feira, 24 de Junho de 2011

…E os Juros da Dívida Soberana Portuguesa Não Param de Subir!

É tal prova de que o mercado continua a mandar e a mostrar a sua desconfiança para com Portugal, a Grécia, etc.? Já chegámos aos 15,8% batendo “records” que mostram que o problema não está no Governo, seja ele de Direita ou de Esquerda, como se vê. As garantias que Passos Coelho deu no Conselho Europeu, entretanto, trouxeram já a vantagem de a Comissão Europeia ter reconhecido a possibilidade de haver necessidade de reestruturar a disponibilização dos Fundos Comunitários, o que pode ser importante, pois a Crise galopante exige reformulações óbvias, mas ao que parece, “não acalmaram os mercados”… Quais mercados? Na verdade, não estamos a discutir algo mais senão a especulação financista que as Agencias de Notação alimentam todos os dias, contra a UE e contra já não somente “os países periféricos” mas sim contra quem tem de ser anulado e estes são em especial a França e a Espanha, enfim quem está presente no Mercado Global e para ele transporta essa moeda perigosa que é o Euro! Porque para a alta finança o que urge é limitar a distribuição do Mundo pelos interesses americanos e chineses, já que estes últimos tendem ou à democratização e abertura interna, o que na verdade alarga, isso sim, “os mercados”, ou para a desagregação interna libertando incomensuráveis “mercados” de um regime totalitário e tendencialmente fechado. (Portugal nessa matéria também é Estado presente, dada a CPLP, mas de baixa influencia…). Tenho insistido desde 2009 que urge a necessidade de um Governo de Salvação Nacional, que urge mostrar que não seguimos a via da Grécia, apesar do erro que foram estas eleições, ainda que, claro, como vivente em Portugal e como não sou nenhum profeta, nem da graça nem da desgraça, só desejo não ter razão, pois a demonstração da Solidariedade comunitária reforça os posicionamentos transnacionais, neste momento em que todos os movimentos têm de ser cuidadosamente calculados. É sem duvida positiva a ideia de que a Comissão de Acompanhamento do Acordo com a Troika/FMI seja uma Comissão liderada pelo maior partido da Oposição, pois releva esse sentido comunitário, mas lamento, considero insuficiente tal medida. Pois os tais “mercados”, isto é as selváticas Agencias de Notação, usam todos os elementos de clivagem para imporem mais uma farpa ao touro em faena que também somos nós! E só a publica responsabilização de todas as forças políticas pode demonstrar essa noção básica de Unidade. Notemos que os que seguiram o percurso do Não, os que geraram aliás estas eleições, à Esquerda, foram politicamente derrotados precisamente porque seguiram a via neoriquista do “eles que paguem a Crise” e, se decidirem continuar nesse rumo, continuarão a ser marginalizados pelos Cidadãos Esta ideia básica de um Governo de Salvação Nacional, que teve sucesso em 1983/5, como todos sabemos, (mesmo que tenha sido desastrosa para o PS, por sua inteira responsabilidade), está hoje a ser contestada à Direita porque alguma Direita entende que chegou a altura de uma varridela sistémica, isto é de impor medidas no plano fiscal, das relações laborais e macroeconómicas, que libertem o Estado das “peias sociais” que o 25 de Abril acrescentou ao Estado corporativista e à Esquerda em consequência da má memória das eleições de 1985, no campo do PS e, na restante Esquerda, no sonho ridículo de uma Revolução que só existe na cabeça de uns tantos de numero não superior ao milhar! Porque as Revoluções ou se dão em momentos de total fracasso do Poder, caso da Rússia de 1917, (o que não é o caso), ou em momentos de total cansaço face ao Poder, caso típico português do 5 de Outubro e do 25 de Abril( o que ainda é cedo para dizer que exista). Cansei de me sentir derrotado nas Campanhas que procurei dinamizar, em consequência deste sectarismo à Esquerda, que levou por exemplo à recusa da Petição pela Regulamentação Internacional das Agencias de Notação e ao surgimento de uma Petição paralela, ( de quem já quase ninguém fala, já deram por isso?), precisamente porque o que nos deve preocupar é uma política de Salvação Nacional! Cansei porque à Esquerda se vive um tempo de lamber as feridas que chega a ser ridículo, (os debates no seio do BE são de tal prova!) e torna impossível a existência de qualquer movimentação sócio política pois as lideranças e os opinion makers à Esquerda estão verdadeiramente encostados às boxes…. Porque na verdade o que deveria suceder à Esquerda seria a defesa de um Governo de Salvação Nacional, a concretização de combates globais, como o Pela Regulamentação das Agencias de Notação, a defesa teimosa de um mercado aberto da CPLP, e a critica cerrada contra a má Distribuição dos Rendimentos em Portugal e na CPLP, vidé o caso de Angola e no lado contrário a mais que positiva batalha de Lula e Dilma pela Distribuição da Riqueza no Brasil,, com a apropriação crescente da Riqueza em um nº cada vez menor de pessoas! Não sendo possível defender tal, fiquemo-nos pelas declarações de intenção e aguardemos por outros tempos. Joffre Justino
publicado por JoffreJustino às 11:40
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Primárias - Uma Otima Pro...

. O 11 de Setembro e eu pr...

. Um recado a Henrique Mont...

. Na Capital Mais Cara do M...

. Há Asneiras A Não Repetir...

. “36 Milhões de Pessoas Mo...

. Ah Esta Mentalidade de Ca...

. A Tolice dos Subserviente...

. A Típica Violência Que Ta...

. Entre Cerveira e a Crise ...

.arquivos

. Julho 2012

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds