Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2011

Teodora Cardoso, Porque não Demitir-se?

"É mais fácil se tivermos um apoio externo, desde logo porque isso permite que o ajustamento não seja tão abrupto. Mas feito sozinho, para os mercados acreditarem nele, teria que ser brutal", disse Teodora Cardoso” In, Negócios Online Cara Senhora, Diz a comunicação social, por exemplo a que acima cito, que a senhora é Administradora do Banco de Portugal, mais concretamente, ao que parece, Vice presidente do mesmo. Ora ser administradora do Banco de Portugal é ter um cargo político, pago com os nossos Impostos. Para servir, portanto, Portugal e a sua Comunidade, a portuguesa, de raiz, ou a nela residente. Ora não se pode dizer que a senhora tenha servido. A senhora, em cima dos acontecimentos que foram denominados de dramáticos, ( de decisivos segundo o Publico, por exemplo…), assumiu que os mercados iriam penalizar Portugal, e que o país deveria rebaixar-se e assumir submissamente o poder dos meios financeiros, o dos especuladores e, também, concretamente, do FMI. Ao fazê-lo, antes da colocação nos mercados da divida portuguesa, a senhora teve um discurso que auxiliou, tão somente, quem, nos “mercados”, queria empurrar Portugal para a “segunda divisão” , quiçá a terceira divisão, dos países da União Europeia. A senhora, clamorosamente, errou! E o seu erro foi gravíssimo pois o seu discurso pode até ser acusado de penalizar a posição de Portugal nos “mercados” até dado o cargo, “político”, de grande responsabilidade, que assume. E é possível, é absolutamente plausível, dizer que se Portugal terá de pagar 6,73% nos juros, o que até é baixo perante as expectativas que nos empurravam para o FMI, (as suas concretamente), se deve em parte ao tipo de discursos negativistas como o seu. Porque, com outra motivação, com outro discurso, (dos políticos da oposição em geral), Portugal teria outra imagem no Mundo, financeiro ou não financeiro! E, na verdade, serei eu, seremos nós todos, que teremos de pagar este seu gravíssimo erro! Ora perante a gravidade do seu discurso, favorecedor de todo o negativismo perante uma circunstância, a económica, onde o factor motivacional é central, a senhora deveria ser coerente consigo própria E demitir-se do cargo, político, que tem! Porque está a funcionar a contravapor em relação a todos nós. Nós, que significamos os humildes cidadãos que queremos sim travar esta sangria, (que não vem de mercado nenhum, mas sim de simples especuladores), que queremos deixar de pagar os impostos que teremos de pagar dados os erros do género dos que, por exemplo em Viseu, mostram 12 rotundas numa estradita, que os euros da União Europeia - e os nossos impostos - tiveram de pagar, (multiplicados por tantos, tantos, tantos, outros, do consulado do actual candidato Cavaco Silva . Demita-se cara senhora, porque a sua demissão seria um essencial sinal para os mercados, pois mostraria, que em Portugal quem erra clamorosamente, assume o erro e demite-se! Conto consigo, com a sua honra, com a sua dignidade. Demita-se pois! (Uma nota final – eu ainda me lembro do que tivemos de sofrer em 1983/84 quando tivemos de aturar o FMI… e, convém recordar que trabalhava à época numa Federação Sindical , a FETESE, da área da UGT, que negociava praticamente todos os contratos colectivos de trabalho do País, pelo que sei bem como doeu, o que na altura foi necessário fazer-se )
publicado por JoffreJustino às 17:26
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Primárias - Uma Otima Pro...

. O 11 de Setembro e eu pr...

. Um recado a Henrique Mont...

. Na Capital Mais Cara do M...

. Há Asneiras A Não Repetir...

. “36 Milhões de Pessoas Mo...

. Ah Esta Mentalidade de Ca...

. A Tolice dos Subserviente...

. A Típica Violência Que Ta...

. Entre Cerveira e a Crise ...

.arquivos

. Julho 2012

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds